Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Boas novas?

por Ameixinha, em 30.01.15

Fui, como de costume, dar de comer ao Tomás, o meu cão idoso :)

Desde que mudamos para esta casa - em Outubro do ano passado - que ele dorme no que chamamos de barraco, porque é onde guardamos a lenha. Ora, o barraco tem uma janela que eu fechei por estar a chover, mas a janela estava aberta. O barraco não tem lâmpada e, sempre que lá vou à noite, só levo a lanterna do telemóvel comigo. Com pena do bicho fechei a janela, e eis que começo a ouvir barulhos esquisitos, achei que era o cão mas o barulho era diferente. Aaaaaii que é um rato! Querem lá ver que o bichinho anda aqui de volta dos meus pés? Aponto a lanterna para o chão mas só vejo o cão de volta de mim. Eis que esvoaça qualquer coisa à minha frente. Cristo, qué isto!? Algo pára na beirada da janela - que está fechada - e eu, incrédula, fico a olhar para o bichinho lindo. É um passarinho, um que nunca tinha visto, pequenino, com penas brancas e pretas e umas patinhas negras esguias.

E agora Maria Ameixa? Que raio vais fazer? O primeiro pensamento é apanhá-lo e aponto-lhe a lanterna prás vistinhas, que é para o bicho ficar ofuscado e não desatar a esvoaçar. Resulta e consigo apanhá-lo :) Que lindo e tão sossegadinho. Mas que é que vou fazer ao bichinho? Será que tem alguma asinha partida? Levo-o para dentro de casa? Não posso que está lá o Matias. O gato é meio drogado mas assim que vê algo a mexer, ele acorda para a vida e fica doido :)

Levei-o para o anexo, só para ver se o bicho voa ou se precisa de cuidados.

Fecho a porta do anexo e pouso o bichinho na palma da minha mão, ele fica assim por uns segundos e, depois, esvoaça por tudo quanto é lado e bate contra as coisas. Oh céus! Afinal o bicho voa e eu abro-lhe a porta e lá foi ele... empurrado pela chuva persistente. Só espero que encontre o seu caminho e seja feliz.

Não posso deixar de pensar se me veio dar algum alento, esperança de receber boas novas ;)

Autoria e outros dados (tags, etc)


Menos uma

por Ameixinha, em 21.08.13
Quando ela chegou cá a casa eu prometi a mim mesma que não me ia afeiçoar. Ela era do meu irmão e ele é que tinha que se orientar, porque eu já tinha muita gente e muitos bichos para cuidar. Mas, é impossível não gostar de um animalzinho fofinho que arranjou um estratagema para abrir a gaiola e que, quando solto, segue-nos para onde quer que formos. Habituei-me a lavar os dentes com ela a tentar subir-me pelas pernas; habituei-me a varrer a casa de banho 5 vezes ao dia para apanhar a palha que ela atirava gaiola fora; habituei-me a alimentá-la e a aconchegá-la pertinho, apertando-a quase ao ponto de lhe saírem os olhos das órbitas. O meu irmão, que é o dono, saiu de casa e foi viver a vida dele e, hoje, levou-a :) Tenho pena, mas o amor também é deixar ir aquilo que não nos pertence. Óbvio que eu deixei ir mas não sem deixar umas quantas recomendações, sendo que a mais importante foi: "Tu vê lá se não matas a bichinha!" e ainda completei com cuidados alimentares e higiénicos.
Espero que ela tenha um bom resto de vida, embora saiba que não lhe deve restar muito tempo porque os hamsters são de vida curta. Resta-me a consolação de, pelo menos, não ter que a ver morta ;)

Autoria e outros dados (tags, etc)


Menos uma

por Ameixinha, em 21.08.13
Quando ela chegou cá a casa eu prometi a mim mesma que não me ia afeiçoar. Ela era do meu irmão e ele é que tinha que se orientar, porque eu já tinha muita gente e muitos bichos para cuidar. Mas, é impossível não gostar de um animalzinho fofinho que arranjou um estratagema para abrir a gaiola e que, quando solto, segue-nos para onde quer que formos. Habituei-me a lavar os dentes com ela a tentar subir-me pelas pernas; habituei-me a varrer a casa de banho 5 vezes ao dia para apanhar a palha que ela atirava gaiola fora; habituei-me a alimentá-la e a aconchegá-la pertinho, apertando-a quase ao ponto de lhe saírem os olhos das órbitas. O meu irmão, que é o dono, saiu de casa e foi viver a vida dele e, hoje, levou-a :) Tenho pena, mas o amor também é deixar ir aquilo que não nos pertence. Óbvio que eu deixei ir mas não sem deixar umas quantas recomendações, sendo que a mais importante foi: "Tu vê lá se não matas a bichinha!" e ainda completei com cuidados alimentares e higiénicos.
Espero que ela tenha um bom resto de vida, embora saiba que não lhe deve restar muito tempo porque os hamsters são de vida curta. Resta-me a consolação de, pelo menos, não ter que a ver morta ;)

Autoria e outros dados (tags, etc)


Que parva que sou!

por Ameixinha, em 01.07.13
Pois sou, parva... todos os dias!
Então não é que matei e enterrei o Matias, chorei, disse-lhe adeus e ele, uma semana depois, apareceu :)
É certo que ainda não sabemos como é que ele foi parar ao telhado da casa de 3 andares do vizinho. Mas eu ouvi um gato miar - e não sabia quem era porque o Matias não mia - e fui à procura do som. Procuro, procuro e nada. Eis que olho para cima, depois de ter invadido terreno alheio, e vejo um gato parecido com o Matias em cima do telhado a miar desalmadamente. Só quando lhe vi o rabo é que tive certeza que era ele.
Como é que ele se enfiou ali? Uma semana sem pôr-lhe a vista em cima, sem ouvir nenhum gato miar e, de repente, não mais que de repente, ele cai do céu em cima do telhado? Pois foi, foi mesmo e ele não descia de maneira nenhuma e eu achei que ele se ia atirar :)
Lá fomos buscar uma escada e o meu irmão teve que subir ao telhado e agarrá-lo à força. Na descida, ainda me conseguiu arranhar nos lábios e braços, porque as unhas cresceram durante uma semana.
Enfiei-o na banheira e dei-lhe um banho. Ele bebeu, bebeu, bebeu tanto que até vomitou. Depois fomos à veterinária e constatou-se que ele tinha perdido 600 gramas e estava muito desidratado.
Ou seja, cá para mim ele esteve fechado nalgum lado, mas onde? E apareceu depois no telhado de uma casa de 3 andares? Suspeito, muito suspeito!
Mas isso agora não interessa nada. Está aqui em cima da minha cama a dormir e, agora, usa uma coleira ao pescoço para, numa próxima que espero não acontecer, quem o vir saiba que este bicho manhoso tem dona :)
Obrigada a todas e desculpem lá o meu desatino. Prometo que vou tentar ser mais optimista :)

Ó pra ele aqui a dormir depois de uma semana de férias em parte desconhecida.


Autoria e outros dados (tags, etc)


Que parva que sou!

por Ameixinha, em 01.07.13
Pois sou, parva... todos os dias!
Então não é que matei e enterrei o Matias, chorei, disse-lhe adeus e ele, uma semana depois, apareceu :)
É certo que ainda não sabemos como é que ele foi parar ao telhado da casa de 3 andares do vizinho. Mas eu ouvi um gato miar - e não sabia quem era porque o Matias não mia - e fui à procura do som. Procuro, procuro e nada. Eis que olho para cima, depois de ter invadido terreno alheio, e vejo um gato parecido com o Matias em cima do telhado a miar desalmadamente. Só quando lhe vi o rabo é que tive certeza que era ele.
Como é que ele se enfiou ali? Uma semana sem pôr-lhe a vista em cima, sem ouvir nenhum gato miar e, de repente, não mais que de repente, ele cai do céu em cima do telhado? Pois foi, foi mesmo e ele não descia de maneira nenhuma e eu achei que ele se ia atirar :)
Lá fomos buscar uma escada e o meu irmão teve que subir ao telhado e agarrá-lo à força. Na descida, ainda me conseguiu arranhar nos lábios e braços, porque as unhas cresceram durante uma semana.
Enfiei-o na banheira e dei-lhe um banho. Ele bebeu, bebeu, bebeu tanto que até vomitou. Depois fomos à veterinária e constatou-se que ele tinha perdido 600 gramas e estava muito desidratado.
Ou seja, cá para mim ele esteve fechado nalgum lado, mas onde? E apareceu depois no telhado de uma casa de 3 andares? Suspeito, muito suspeito!
Mas isso agora não interessa nada. Está aqui em cima da minha cama a dormir e, agora, usa uma coleira ao pescoço para, numa próxima que espero não acontecer, quem o vir saiba que este bicho manhoso tem dona :)
Obrigada a todas e desculpem lá o meu desatino. Prometo que vou tentar ser mais optimista :)

Ó pra ele aqui a dormir depois de uma semana de férias em parte desconhecida.


Autoria e outros dados (tags, etc)


Fofinhos

por Ameixinha, em 13.02.13

Quando a minha mãe viu a fotografia disse que eram dois doentinhos. Na minha opinião, são dois lutadores :)

Autoria e outros dados (tags, etc)


Fofinhos

por Ameixinha, em 13.02.13

Quando a minha mãe viu a fotografia disse que eram dois doentinhos. Na minha opinião, são dois lutadores :)

Autoria e outros dados (tags, etc)


Presente envenenado

por Ameixinha, em 03.01.13


Veio cá parar sem nós pedirmos, mas recebemos a bicha de braços abertos. É do meu irmão e, passados quase 15 dias, ainda não tem nome, é conhecida como "a rata" ha ha Pior de tudo é que quem a ofereceu diz que ela está prenha. Nós achamos que não, já cá está há tantos dias e ainda não deu sinal disso. Logo se vê.
Num é a coisa mai'linda?

Autoria e outros dados (tags, etc)


Presente envenenado

por Ameixinha, em 03.01.13


Veio cá parar sem nós pedirmos, mas recebemos a bicha de braços abertos. É do meu irmão e, passados quase 15 dias, ainda não tem nome, é conhecida como "a rata" ha ha Pior de tudo é que quem a ofereceu diz que ela está prenha. Nós achamos que não, já cá está há tantos dias e ainda não deu sinal disso. Logo se vê.
Num é a coisa mai'linda?

Autoria e outros dados (tags, etc)


Home again

por Ameixinha, em 28.10.12
Estamos em casa e, pasmem, o Matias veio a ronronar que é uma coisa que ele nunca tinha feito :) 
Não sei se todos aqueles ataques desbloquearam alguma coisa dentro dele mas, o que é certo, é que ele ronrona e já deu umas miadelas. Acho que vim para casa com um gato novo :)
Obrigada à veterinária Diana pelos mimos e pelos presentes que deu ao Matias.
Deixamos lá ficar 33€ mas parece-me que a "dótora" cortou na despesa.
Vai tomar antibiótico e o protector  hepático a partir de hoje. Vamos lá ver se ele se aguenta sem ir ao veterinário até Dezembro.
Obrigada a todas pelo carinho.
Bom Domingo ;)

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D